Rede observatório. Recursos Humanos em Saúde

Estação de Trabalho OBSERVATÓRIO HISTÓRIA E SAÚDE

Sobre o Observatório História e Saúde

Equipe do Observatório História e Saúde

2017

Coordenação

Carlos Henrique Assunção Paiva

Bacharel e licenciado em História pelo Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro; Aperfeiçoamento Profissional em Epidemiologia, pela Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca/Fiocruz; Mestrado e Doutorado em Saúde Coletiva, pelo Instituto de Medicina Social/UERJ; Pós-doutorado em Sociologia da Saúde, no Departamento de Planejamento e Administração em Saúde (IMS/UERJ). Foi Professor do Mestrado em Saúde Global e Diplomacia da Saúde da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz). É atualmente Coordenador do Observatório História e Saúde, da Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz; Professor Adjunto do Mestrado de Saúde da Família da UNESA; Professor do Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde da Casa de Oswaldo Cruz (Fiocruz); Pesquisador Associado do Núcleo de Estudos em Diplomacia em Saúde - NETHIS (Fiocruz/UnB/OPAS/OMS) e membro do GT Trabalho e Educação da ABRASCO. É coordenador Executivo da Biblioteca Virtual em Saúde História e Patrimônio Cultural da Saúde (BVS-HPCS) (Fiocruz/Bireme-OPAS/OMS); membro do Comitê Consultivo da BVS Bioética e Diplomacia em Saúde (Bireme-OPAS/OMS). Tem trabalhos publicados sobre a história da saúde pública, saúde internacional e diplomacia em saúde e sobre a formação de pessoal de saúde no Brasil.

Coordenação adjunta

Fernando A. Pires-Alves 

Doutor em Ciências pela Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz (2011), área de concentração em História das Ciências e da Saúde, pelo Programa de Pós-Graduação da Casa de Oswaldo Cruz . Possui graduação em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1983) e mestrado em (2005) em História da Ciência e da Saúde, também pela Fiocruz. Exerce suas atividades na Casa de Oswaldo Cruz - Fiocruz, junto ao Observatório História e Saúde, estação de trabalho da Rede Observatório de Recursos Humanos em Saúde - ObservaRH/Sgtes-MS/OPAS, vinculada ao Departamento de Pesquisa em História das Ciências e da Saúde - COC-FOCRUZ.. É pesquisador associado do Núcleo de Estudos de Bioética e Diplomacia em Saúde - NETHIS-FIOCRUZ; professor do Curso de Especialização em Informação Científica e Tecnológica em Saúde, do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde- ICICT-FIOCRUZ; e do Mestrado Profissional em Saúde Global e Diplomacia da Saúde, da Escola Nacional de Saúde Pública - ENSP-FIOCRUZ. Tem experiência nas áreas de História da Saúde, com contribuições para a História da Informação Científica e Técnica em Saúde; da Educação e Trabalho em Saúde; e da Cooperação Internacional em Saúde. 

Pesquisadores 


Carlos Fidélis Ponte

Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1984) e mestrado em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz (1999). Pesquisador do Observatório História e Saúde da Fundação Oswaldo Cruz/Organização Panamericana de Saúde. Doutor em Políticas Públicas e Estratégias de Desenvolvimento pelo Instituto de Economia da UFRJ em convênio com a Fundação Oswaldo Cruz (2012).É professor do Curso de Especialização em Informação Científica e Tecnológica em Saúde, do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde, da Fiocruz. Tem experiência na área de História, atuando principalmente nos seguintes temas: história da psicanálise, sociologia das profissões e transferência de tecnologia e desenvolvimento tecnológico. Atualmente dedica-se às áreas de Inovação, Propriedade Intelectual e Estratégias de Desenvolvimento.

Gilberto Hochman 

Possui graduação em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas (1982), Mestrado em Ciência Política pelo IUPERJ (1990) e Doutorado em Ciência Política pelo IUPERJ (1996) com Estágio Doutoral no Boston College (1994). É pesquisador da Casa de Oswaldo Cruz/Fundação Oswaldo Cruz, onde ingressou em 1987. É professor do Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde (COC/Fiocruz). Suas áreas de pesquisa e ensino são: Políticas Sociais em perspectiva histórica; Saúde Global, História da Saúde Pública; Saúde e doença e pobreza no Pensamento Social Brasileiro. Suas pesquisas em andamento versam sobre programas internacionais e políticas sociais no Brasil e sobre as relações entre saúde, democracia e desenvolvimento (1945-64).  Foi um dos coordenadores do GT Políticas Públicas da Anpocs de 2005 a 2009 e co-Editor de Brazilian Political Science Review (da ABCP, com Leticia Pinheiro) de 2007 a 2012. Foi Vice-Diretor, Coordenador de Pesquisa, Coordenador de Pós-Graduação e Coordenador de Iniciação Científica da COC/Fiocruz. É o Editor da Coleção História e Saúde e da Série Clássicos e Fontes (ambas da Editora Fiocruz). É Editor associado de História, Ciências, Saúde-Manguinhos (Fiocruz) e de Ciência & Saúde Coletiva (Abrasco). É membro do Conselho Consultivo de Scielo Livros. Desde janeiro de 2011 é Editor Científico da Editora Fiocruz.


Luiz Antônio Teixeira 

Graduado em História pela UFRJ (1987), mestre em Saúde Coletiva pela UERJ (1994) e doutor em História Social pela USP, em 2001. Faz parte da equipe da Casa de Oswaldo Cruz (Fiocruz), trabalhando no Programa de Pós-graduação e no Departamento de Pesquisa em História das Ciências e da Saúde. Mais recentemente foi credenciado no Programa de Pós-graduação em Saúde da Criança e da Mulher do Instituto Fernandes Figueira e no Programa de Pós-graduação em Saúde da Família, da Universidade Estácio de Sá. Por muito tempo trabalhou com a trajetória de instituições científicas. Nos últimos anos tem como objeto a História da Saúde Pública e coordena coordenar um projeto sobre o controle do câncer no país. Como pesquisador e professor, atua na área de História das Ciências, com objetos da História da Saúde, e na área da Saúde Coletiva, com temas relacionados à saúde da mulher. Tem experiências nos seguintes temas: Historia da Medicina e da Saúde no Brasil, Políticas de Controle do Câncer no Brasil e Saúde da Mulher.

Bolsistas

Fabiana Pinto Fernandes

Graduanda em Saúde Coletiva no Instituto de Estudos em Saúde Coletiva, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IESC/UFRJ).Bolsista de Iniciação Científica no Observatório História e Saúde, no Departamento de Pesquisa em História das Ciências e da Saúde, Casa de Oswaldo Cruz, na Fundação Oswaldo Cruz (DEPES/ COC-Fiocruz), com orientação do pesquisador Dr. Carlos Henrique Assunção Paiva, com os projetos de pesquisa 'O processo histórico de construção da Política Nacional de Atenção Básica no Brasil (1988-2006)' e 'História da Atenção Primária à Saúde no Brasil: de modalidade de atenção à Saúde a Política Prioritária'.

  

Gabriele Carvalho de Freitas

Possui graduação em Nutrição pela Universidade Federal de Viçosa - UFV/MG. Mestre em Saúde Coletiva no Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva no Instituto de Medicina Social IMS/UERJ, na área de Política, Planejamento e Administração em Saúde (PPAS). Atualmente é doutoranda em Saúde Coletiva na mesma instituição (IMS/UERJ). Pesquisadora colaboradora no Observatório História e Saúde na Casa de Oswaldo Cruz (COC/FIOCRUZ). Áreas de interesse e atuação: Segurança Alimentar e Nutricional (SAN), Alimentação e Nutrição em Saúde Coletiva, Políticas Públicas de Alimentação e Nutrição e SAN, Nutrição Social.

Vanessa Nolasco Ferreira

Doutora em Ciências (Saúde Pública) pela Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca da Fundação Oswaldo Cruz (2017). Mestre em Psicologia pela Universidade Federal de Juiz de Fora, na linha de pesquisa Processos Psicossociais em Saúde (2010). Especialista em Política e Planejamento Urbano pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (2013). Graduada em Psicologia pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora (2008). Atua como Pesquisadora Colaboradora no Observatório História e Saúde da Casa de Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), Pesquisadora Visitante no Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) coordenando projetos na linha de pesquisa História do Câncer: atores cenários e políticas públicas (FIOCRUZ / INCA) e Docente na Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca nas Especializações Impactos da Violência na Saúde, Impactos da Violência na Escola e Gestão de Hemocentros.

 

Saúde. Ministério da Saúde | logotipo da Fundação Oswaldo Cruz | logotipo da OPAS

Este sítio foi desenvolvido pela Casa de Oswaldo Cruz | Fiocruz